17 maio, 2012

Resista se for capaz!

Criatividade, humor inteligente e situações inusitadas. A combinação resulta no envolvente e divertido Prenda-me se for Capaz (2002). Baseado em fatos reais e ambientado na década de 60, o filme conta a história de Frank Abagnale Jr. (Leonardo DiCaprio), um falsário que aplica golpes em companhias aéreas, bancos, hospitais e engana quem quer que seja, chegando a descontar 2,5 milhões de dólares com o uso de cheques confeccionados por ele. Inserido na lista dos dez mais procurados pelo FBI, o jovem criminoso é perseguido obsessivamente durante anos pelo sério e discreto agente Carl Hanratty (Tom Hanks).

O interessante é que, apesar do talento para o crime, o protagonista acaba conquistando a simpatia do público. Leonardo DiCaprio assume o papel com maestria e confere carisma e estilo ao personagem cheio de disfarces e adjetivos - prático, firme, corajoso, arrogante, ambicioso e cara de pau. Também é digna de elogio a atuação de Christopher Walken, que vive o seu pai, um homem calmo e astuto. O relacionamento entre eles é intenso e motiva Frank a querer resgatar todo o dinheiro que a família já teve.




Além do brilhante elenco, a direção de arte é um ponto de destaque do filme. Cenografia, maquiagem e figurino transportam o espectador para o passado e completam a atmosfera da trama, uma mistura de ação, drama e comédia.

Com todas essas características, não é de se admirar que a película tenha como diretor o versátil Steven Spielberg, o mesmo de títulos como O Resgate do Soldado Ryan, A Lista de Schindler, E.T. - O Extraterrestre, e Jurassic Park. Já o roteiro é de Jeff Nathanson, com base em livro de Frank Abagnale Jr. e Stan Redding. Resumindo a ópera, Prenda-me se for Capaz é sucesso de bilheteria e diversão garantida!


Um comentário:

Sarinha disse...

Hoje eu estou aqui no estagio bem ociosa..e nessas horas eu adoro ler o seu blog! haahahah
Eu já vi esse filme umas cinco vezes..muito bom! Recomendo total!!
Beijinhos