04 julho, 2010

Não foi dessa vez

Se dependesse da quantidade de vuvuzelas e de camisas amarelas e verdes, o Brasil certamente teria conquistado o hexa esse ano. Vamos admitir que o nosso time não esteve, digamos, tão bem digno de confiança assim... Antes do jogo com a Holanda não houve grande goleada em cima de uma seleção poderosa e ainda aconteceu um empate sem gols na partida contra Portugal. Gosto da festa dos brasileiros, da vibração coletiva, mas não deu, pelo menos dessa vez, para sentir uma imensa frustração pela saída do Brasil da Copa.

Fiquei um pouco triste, lógico, mas passou logo depois de um ótimo almoço. Afinal de contas, os jogadores da seleção estão muito bem de vida – melhor que a maioria dos brasileiros; a Copa é legal, muito massa, mas é apenas uma competição esportiva; somos o único país pentacampeão; em 2014 temos nova chance de vencer e a vida continua...

O povo brasileiro precisa de muito mais do que uma taça para ser feliz, não pode se render à política do pão e circo. Assim como os atletas da nossa seleção, os políticos que elegemos precisam de preparo e vontade de realizar. A diferença está no fato de que jogadores de futebol lutam contra adversários confessos e os políticos, que deveriam representar nossos interesses, costumam marcar uma série de gols contra.

4 comentários:

TD disse...

Minha cunhada chorou muito. Segundo ela, na epoca da copa ela fica assim patriota.
Chorar muito acho que é coisa de quem somente tem o patriotismo exacrebado na epoca da copa mesmo, quem acompanha nosso dia dia sabe que a nossa seleção nunca foi de confiança, parecia que assistiamos jogo a jogo esperando quando iriamos pular fora. Quanto nossa politica... Tsi tsi tsi... Infelizmente é muito mais dificil ter esperança de mudanças ou de uma sorte melhor até 2014. As eleições estão aí na porta...

INGRID DRAGONE disse...

Pois é... Esse ano tem eleição e agora é hora de ver quem tem amor pelo Brasil.

Carlinhos disse...

Meu Deus... fiquei até com vergonha do meu texto "ufanista"... rsrsrs
Eu tô com tanto sono que não tenho palavras agora... mas depois eu leio com calma e "falo" rsrsrs
beijão

INGRID DRAGONE disse...

Fiquei feliz com sua passagem por aqui, Carlinhos! beeeeeeijos